No adeus a vida política JES pode estrear-se num programa radiofónico

O Presidente do MPLA e antigo número um da República, José Eduardo dos Santos, que está em contagem regressiva rumo ao abandono definitivo da vida política activa, pode, no final desta semana, fazer parte de um programa de rádio, em alusão a mais uma data natalícia sua que se assinala na terça-feira, 28 de Agosto.

Fontes do Correio da Kianda, bem posicionadas junto das entidades que organizam o evento inédito, informam que a iniciativa atribuída a um grupo restrito afecto aos Camaradas já tem aval do próprio aniversariante que, acrescentam, solicitou que, para tal, fossem convidadas individualidades de sua conveniência, considerando amizades, afinidades e familiares, com destaque para figuras que fizeram parte da sua juventude. Concluem!

A participação de José Eduardo dos Santos, sucessor de Agostinho Neto, fundador da nação, a um programa de rádio angolana, feita em Angola e por angolanos, é inédita, porquanto no seu longo consolado esteve sempre longe da Mídea.

Recorde-se que “JES” nos seus mais de setenta anos de vida, 37 dos quais como Presidente da República e do MPLA teve apenas três entrevistas, todas elas dadas a órgãos estrangeiros, como é o caso da RTP, o primeiro a entrevistar JES, em Janeiro de 1990. Em segundo lugar posiciona-se a SIC, em Junho de 2013, curiosamente uma televisão portuguesa a semelhança da RTP, uma entrevista conduzida pelo jornalista Henrique Cymerman, correspondente da SIC no Israel. Aquela que, segundo comentários, foi uma das mais vistas feitas pela SIC. Em terceiro lugar está a televisão brasileira, Bandeirante, concedida em Novembro de 2013.

No entretanto e como se pode ver nestes dados, José Eduardo dos Santos, nunca falou a um órgão nacional. Este jornal sabe, por outro lado que, o programa, agora denominado “Especial” sob batuta da MFM a emitir nos 91.7, uma Rádio que se revela estar muito próxima da família dos Santos será conduzido pelo renomado jornalista João Pinto, e será emitido na manhã deste Sábado 25, a partir de um restaurante denominado “social” sito nas imediações do Super mercado Kero do Talatona, em Luanda. O mesmo, segundo ainda a fonte, enquadra-se no programa de homenagem a JES que o Comité Central dos Camaradas traçou para proporcionar a um dos memoráveis quadros do Partido uma despedida a altura, já que em Setembro, no Congresso extraordinário, José Eduardo dos Santos vai deixar a liderança do MPLA e dedicar-se, apenas, a sua fundação, FESA, e cuidar, com maior atenção, da sua família que, diga-se, em muitos momentos não teve tempo de o fazer fruto das responsabilidades que o País atribuiu a ele.


Loading...
Input your search keywords and press Enter.

Com um gosto você fica por dentro de tudo