Segundo o documento, publicado em Diário da República no passado dia 31 de Julho, a verba aprovada pelo Chefe de Estado visa “suportar as despesas relacionadas com a abertura de compromissos assumidos no âmbito da potenciação e apetrechamento técnico-material das Forças Armadas Angolanas”.

O valor, de 73.553.947.012,63 (setenta e três mil milhões, quinhentos e cinquenta e três milhões, novecentos e quarenta e sete mil e doze kwanzas e sessenta e três cêntimos), será canalizado através da abertura de um crédito adicional suplementar no Orçamento Geral do Estado para 2018, lê-se no despacho.

O documento precisa que o montante é afecto à Unidade Orçamental – Ministério da Defesa Nacional, mas não adianta em que consiste a “potenciação e apetrechamento técnico-material”.