Relatos de furtos, roubos, assaltos e assassinatos em táxis aumentaram nos últimos dias em Luanda. A autoria dos crimes está a ser atribuída a supostos falsos taxistas. Na semana passada, dois estudantes universitários viveram a triste experiência, tendo um dos assaltos resultado na morte de um dos passageiros. Os casos ocorreram em Viana e Belas. A Polícia garante que está a investigar este e outros casos.

O jovem Emerson Alberto, de 18 anos de idade, estudante do 2.º ano do curso de Psicologia na Universidade Católica de Angola, foi assaltado na passada quinta-feira, quando se dirigia para a faculdade, localizada na zona do Palanca, município do Kilamba Kiaxi. O assalto, de acordo com o estudante, ocorreu minutos depois de ter subido num “candongueiro” na zona do Alimenta Angola, em Viana.