Now Reading:
Benguela: capital do empreendedorismo juvenil de Angola

Benguela: capital do empreendedorismo juvenil de Angola

Benguela é desde ontem, quinta-feira, a capital do nacional do empreendedorismo juvenil do país. A província foi escolhida para acolher o terceiro fórum juvenil do empreendedor, uma promoção do FAJE, Fórum Angolano dos Jovens Empreendedores. O encontro de dois dias acontece numa altura em que os jovens são cada vez mais desafiados a serem partes activas na busca de soluções para a crise económica e financeira que abala o país.

No discurso de abertura, o vice-governador para esfera técnica de Benguela, Leopoldo Muhongo, vincou essa ideia. O governante referiu que as dificuldades criadas pela crise devem ser transformadas em oportunidades de negócio.

“Para nós esse encontro acontece num momento particularmente difícil em que muito se pede aos homens que têm vocação para o sector empresarial, na perspectiva de transformarem as dificuldades de hoje em oportunidades e fazerem delas riquezas, garantindo a integração de outras pessoas que tenham mais dificuldades”, aconselhou o governante.

O certamente conta com representantes de quase todas as províncias do país. Durante dois dias vão passar em revista às acções desenvolvidas pelo fórum em 2017 e elaborar o plano operativo para o presente ano.

O coordenador provincial do Fórum Angolano dos Jovens Empreendedores de Benguela, Anselmo Mateus fala das dificuldades que se colocam para os jovens empreendedor. O acesso ao crédito é a que mais tem tirado sono a quem pretende empreender em Angola.

“Como sabem há muito a banca fechou às portas para o crédito, mas acreditamos que está se organizar para voltar a financiar a economia”, Afirmou

Mas o coordenador de Benguela do fórum dos jovens empreendedores é de opinião que essa reabertura deve ser feita de uma forma diferente, corrigindo os vícios que marcaram as cedências anteriores cujos beneficiários não tiverem a capacidade de reembolsarem os valores recebidos da banca.

 “ Quem for presenteado terá de devolver o dinheiro, já que muitos recebem o crédito mas acabam por não devolver o dinheiro com consequências para a continuidade da política de crédito da banca, acabando por prejudicar os demais”, referiu o jovem empreendedor Anselmo Mateus.

Loading...
Input your search keywords and press Enter.

Com um gosto você fica por dentro de tudo