Surgiram há pouco mais de dois anos no mercado. Em pouco tempo deram sinal de talento. Hoje são uma referência do estilo kuduro e afro house na província. Em 2017 lançaram a musica intitulada “wawa”, cujo coro é um assobio. Foi um estrondoso sucesso. Tocou em rádios, canais de televisão, festas e casas noturnas.

Sem sombra para duvidas serviu de passaporte para o mundo do sucesso. Foi através deste hit que os  Kochongos pisaram nos grandes palcos do país. Passaram em grandes programas de audiência de televisão e rádio um pouco por todo país. Lideram por alguns meses as preferências dos amantes do estilo kuduro.

Os “meninos” do bairro do Cotel, cidade de Benguela, inicialmente constituído por cinco, viram-se reduzido a quatro, em 2015, quando um dos integrantes infelizmente partiu prematuramente para outra dimensão da vida, ainda assim, não perderam o foco, assumiram o desafio da batalha para concretização do sonho de se fazerem conhecer pelo país através da musica.

Em 2017 conseguiram alcançar essa meta, apesar de ainda não terem um disco no mercado, as poucas musicas gravadas serviram de cartão de visita para o reconhecimento do talento, do grupo que desde fim do ano passado conta com o suporte de assessoria da EK-ENTRETENIMENTO, do jovem empresário Evanir Coelho.

Esquenta, Mbiembiembie, Drena, Mbowetó são alguns dos sucessos que integram o reportório dos Kochongos, começaram como dançarino do estilo Hip Pop.  Para este ano abre-se um caminho para consolidação do talento dos jovens das Acácias Rubras.


Loading...
Input your search keywords and press Enter.

Com um gosto você fica por dentro de tudo