O comandante-geral da Polícia Nacional, comissário-geral Eduardo Mingas “Panda”, quer ver devolvidos os serviços de Logística da Polícia Nacional, que se encontram sob controlo do ministro do Interior, Ângelo da Veiga Tavares.

A insatisfação pelo descontrolo da Direcção de Logística está a ser manifestada pelo comissário-geral durante as suas intervenções em encontros com responsáveis da corporação.

Na última sexta-feira, dia 5, o novo homem forte da Polícia Nacional apelou à sensibilidade das estruturas superiores para que cooperem, sublinhando que o comando completo das forças, meios logísticos e administrativos “são condições sine qua non para o exercício da actividade operacional”.


NOVO JORNAL