1º de Maio de Benguela precisa AKZ 250 milhões

O 1º de Maio de Benguela precisa duzentos e cinquenta milhões de Kwanzas para fazer face às despesas no Campeonato Nacional de futebol da primeira divisão (Girabola2018), informou o presidente do clube, Wilson Faria.



O responsável, que falava quinta-feira em conferência de imprensa, sobre o estado do clube, explicou que a sua agremiação, neste momento, está desprovido de qualquer patrocinador para concretização dos seus objectivos, contando apenas com a contribuição (quotas) dos sócios, que perfaz um total de AKZ 3 milhões 780 mil/mês, que é residual para satisfação das necessidades existentes, com realce para transportação e pagamentos de salários.

Apesar das dificuldades, de acordo ao presidente, o objectivo da equipa na presente época 2018 passa pela manutenção na 1ª divisão e se possível melhorar o décimo lugar alcançado no campeonato nacional anterior.

Pediu à sociedade benguelense, e não só, a juntar-se à causa do 1º de Maio, em benefício do futebol na província.

Para a presente época desportiva, o 1º de Maio conta com os reforços do guarda-redes Moreira, dos centrais Song e Milambo e dos avançados Calu e Geovani, todos vindos do JGM do Huambo.

Loading...
Input your search keywords and press Enter.

Com um gosto você fica por dentro de tudo