Miss Iraque foge do país por causa de uma foto

Sarah Idan e a sua família tiveram de fugir do seu país depois de serem alvo de várias ameaças de morte motivadas por uma fotografia que a Miss Iraque partilhou no Instagram, avança o Times of Israel.

Tudo começou há cerca de um mês quando Idan e a Miss Israel, Adar Gandelsman, tiraram uma selfie juntas no decorrer do Miss Universe International Beauty Pageant, concurso onde todos os anos é eleita a Miss Universo.

Assim que a imagem entrou nas redes sociais, a iraquiana começou imediatamente a ser alvo de críticas, muito por culpa da mensagem que vinha associada ao post: “Paz e Amor da Miss Iraq e Miss Israel”.

Pouco tempo depois do polémico episódio, Gandelsman pronunciou-se à televisão israelita afirmando que “as coisas cresceram demasiado e causaram uma grande confusão para ela na sua terra natal. As pessoas começaram a ameaçá-la dizendo que se não retirasse a foto e regressasse a casa que lhe tiravam o título e matavam-na.”

Mais tarde foi a vez da própria Sarah Idan falar sobre o episódio. Através do Instagram, a modelo pediu desculpa a todos os que tinham considerado a fotografia como sendo “insultuosa para a causa Palestiniana”, esclarecendo que não era sua intenção fazer uma afirmação política mas sim exprimir “esperança e paz entre os dois países.”

Acrescentou ainda que “não apoia o governo israelita” e não aceita nem reconhece como válidas as medidas que o mesmo estado tem apresentado contra a população árabe.

O Iraque não tem qualquer relação diplomática com Israel e os dois países consideram-se inimigos.

Apesar de toda a confusão, a Miss Israel afirma que a sua amiga não está arrependida de ter publicado a polémica fotografia — e nem sequer a retirou da sua conta pessoal de Instagram. “Ela publicou-a para que as pessoas percebessem que é possível vivermos juntos”, concluiu.

Loading...
Input your search keywords and press Enter.

Com um gosto você fica por dentro de tudo