A notícia, assim como ela acontece

Populares recebem em euforia anúncio da demissão de Mugabe

Apesar de o país permanecer numa grave crise política desde a passada semana, quando os militares se rebelaram contra o chefe de Estado, a notícia chegou de surpresa, anunciada pelo presidente da câmara baixa do parlamento, Jacob Mudenda, no decurso de uma sessão que debatia uma moção de censura contra Mugabe apresentada pelo seu próprio partido.

Gritos de alegria e buzinas de automóvel inundaram a capital, enquanto as pessoas se abraçavam espontaneamente na rua, segundo relatos das agências noticiosas internacionais.

Bandeiras do Zimbabué e gritos de “descanse em paz, descanse em paz” acompanhavam danças e cânticos, enquanto o sol descia sobra a capital zimbabueana.

Outras imagens mostravam crianças junto a tanques, e dançando ao som da música que ecoa pelas ruas da capital, Harare. Muitos populares também celebravam a intervenção do exército, que acelerou o afastamento de Mugabe.

Para quarta-feira prevê-se que seja designado um novo presidente do país, segundo foi anunciado na sessão parlamentar de terça-feira, onde foi lida a carta de demissão do até agora chefe de Estado.

O seu próprio partido, a União Nacional Africana do Zimbabué — Frente Patriótica (ZANU-FP), tinha emitido um ultimato no domingo para a sua demissão, que terminou ao meio-dia de segunda-feira sem qualquer sinal emitido pelo ainda presidente.

Pelo contrário, e nessa mesma noite, Mugabe emitiu a sua primeira mensagem pública desde a sublevação militar contra o seu governo e pediu que o Zimbabué regressasse à normalidade e iniciasse uma nova etapa sem espírito de vingança.

Esta iniciativa constituiu uma desilusão para a população, que tinha saído em massa para as ruas no sábado numa manifestação de rejeição face ao veterano líder do país, com 93 anos.

Após Mugabe ter recusado demitir-se, o partido desencadeou um processo destinado a fazer aprovar no hemiciclo uma moção de censura, que já não será concretizada devido à renúncia definitiva de Mugabe.

você pode gostar também
Loading...

Com um gosto você fica por dentro de tudo