A notícia, assim como ela acontece
Zimbabwean President Robert Mugabe and his wife Grace follow proceedings during a youth rally in Marondera about 100 kilometres east of Harare, Friday, June, 2, 2017.The rally was held as part of his 2017 Presidential election campaign bid where the youth declared Mugabe as the sole candidate and life President of the Southern African nation.(AP Photo/Tsvangirayi Mukwazhi)

Mugabe recebe imunidade diplomática (e a mulher também)

O Presidente deposto do Zimbabué terá proteção judicial para si e para a sua mulher, Grace Mugabe. Para além disso, receberá uma pensão e benesses como seguro de saúde e segurança permanente.

 

Robert Mugabe e a sua mulher, Grace, permanecerão no Zimbabué e gozarão de imunidade diplomática. Foi esse o acordo alcançado pelo Presidente deposto de 93 anos e os militares, de acordo com o que revelaram fontes à agência Reuters. Segundo uma das fontes, Mugabe terá pedido para permanecer no país, dizendo que gostaria de morrer no Zimbabué — e, pelo meio, assegurou para si e para a família uma série de benesses.

“Foi muito emotivo para ele e ele foi contundente”, declarou uma das pessoas envolvidas na negociação, que não se quis identificar. “Para ele era importante que tivesse a sua segurança assegurada de forma a ficar no país. Tal não significa, contudo, que deixe de poder viajar para o estrangeiro quando quiser.”

“O Presidente deposto tem noção da hostilidade popular que existe contra si e a sua mulher”, acrescentou outra fonte à agência. “Tendo em conta isso, foi necessário assegurar-lhe que toda a sua família, incluindo a mulher, ficará em segurança.” Ao jornal Guardian, responsáveis do partido Zanu-PF garantiram que Mugabe e Grace (que muitos apontavam como possível sucessora do marido) poderão “viver em paz”.

Direito a pensão, casa paga, seguro e extras

Para além de imunidade e segurança, Mugabe e a família receberão ainda um pacote que garantirá que não lhes faltará nada até ao fim da vida do homem que governou o Zimbabué durante 37 anos — e que abandonou o cargo esta segunda-feira, depois de pressionado pelos membros do seu partido e pelos militares, que levaram a cabo uma espécie de golpe de Estado.

De acordo com Ziyambi Ziyambi, ex-ministro e membro do Zanu-PF, foi feito “um acordo”, já que Robert e Grace “são estadistas idosos, que serão respeitados”. “Ele foi nosso Presidente e acedeu a demitir-se, por isso gozará das benesses de ser um ex-Presidente e a sua mulher também. Mugabe é o nosso ícone“, declarou Ziyambi. Segundo a Reuters, Mugabe receberá uma pensão, casa paga, uma mensalidade para cobrir gastos com transportes e férias, seguro de saúde, direito a algumas deslocações aéreas e segurança.

Mugabe terá ainda mantido em sua posse algumas propriedades, de acordo com informação avançada à CNN. O ex-Presidente, contudo, garante que não tem grande fortuna e que vive uma vida “frugal”, apesar de notícias como a do mês passado que garantiam que Grace teve uma disputa com um fabricante a propósito de um anel de mais de um milhão de dólares.

você pode gostar também
Loading...

Com um gosto você fica por dentro de tudo