A notícia, assim como ela acontece

A coragem da cantora Yola Semedo

Sempre defendi que os músicos deviam ter em consciência que a música é um negócio, como em todo tipo negócio é preciso vender o produto sem colocar de parte o lado profissional.
Há tempos era impossível ver um músico angolano de renome da nova ou velha escola, a desfilar o seu perfume vocal em festas de indivíduos de outros partidos ou que tenham posições contrárias ao partido que governa.
Segundo o portal Angorusia, Yola Semedo foi cabeça cartaz da festa do deputado Raul Danda e por sinal um dos pesos pesados da UNITA, com a presença de várias figuras do nosso mosaico político e social.
No tempo da outra senhora este acto da nossa diva Yola Semedo séria encarado como um golpe fatal para sua carreira, sendo que os bajuladores e promotores de eventos inexperiêntes fariam o impassível, para banir ou bloquear a menina da voz de ouro dos palcos em Angola.
Não tenhamos dúvidas da coragem da Yola Semedo, rompeu todos os tabus, abriu portas para outros artistas medrosos, para que possam ter noção do que é ser profissional e amador.
Os músicos angolanos sempre tiveram uma conotação negativa, quase nunca aceitam cantar até em festa de casamento de indivíduos de outros partidos, preferindo ficar um ano sem espectáculos.
O país mudou, o paradigma é outro, o tio “Futuro Melhor ” abriu o caminho da esperança que precisa ser regado por todos à cada dia. Somos todos partes desta Nação e todos contamos para sua projeção no mundo…
Os músicos angolanos devem refletir neste acto de coragem da Yola Semedo, devem aprender a separar as águas, e os promotores de eventos devem entender que o contexto é outro é preciso dar um passo em frente.
Se o meu pai estivesse vivo hoje mesmo iríamos “bater ” um catujal de vinho Angola, com aquele peixe seco do Casseque e o funge de milho que só a minha velha sabe fazer…

Vamos ganhar o dia
Não vale ficar parado
A vida é agora…

POR: ANTÓNIO HUNGULO

você pode gostar também
Loading...

Com um gosto você fica por dentro de tudo