A montanha em via de parir mais um rato?


No entanto, está a causar uma certa estranheza entre os observadores o facto dos órgãos públicos de comunicação social estarem a fazer um grande alarido em torno deste assunto, o que poderá ser entendido como um sinal do novo combate que o Executivo de JLo pretende levar contra à corrupção.
No entanto, o barulho ensurdecedor que está a ser feito poderá ter os efeitos perversos, visto que os detidos poderão em breve ser postos em liberdade, a coberto da nova Lei das Medidas Cautelares em Processo Penal. Caso esta possibilidade venha a concretizar-se, eles poderão gozar de liberdade provisória e aguardar o julgamento nos seus aconchegos familiares, com base em termos de identidade e residência.
Conhecendo-se o descrédito em que mergulhou a nossa justiça, mais virada para a punição dos «pilha-galinhas» do que os criminosos do «colarinho branco», uma medida do género, ainda que accionada a coberto da lei, poderia adensar a péssima imagem que já se tem da administração da justiça. … A experiência diz-nos que a excessiva mediatização ou a propaganda barata nem sempre são boas conselheiras… Este cenário, ou seja, a possibilidade de liberdade provisória dos suspeitos, que poderá ocorrer em qualquer altura, levar-nos-ia à fatal conclusão: A montanha pariu mais um rato. Haja moderação e inteligência!

Loading...
Input your search keywords and press Enter.

Com um gosto você fica por dentro de tudo