Now Reading:
Quem é afinal Júlia Ferreira, Porta voz da CNE ?

Quem é afinal Júlia Ferreira, Porta voz da CNE ?

As varias facetas da sua vida tornam-lhe comprometida e grata ao regime.  Foi bolseira do MPLA, em Portugal. Estudou direito pela Universidade Clássica de Lisboa e logo a seguir concluiu um mestrado que a tornou especialista em direito comercial.

Quando regressou a Luanda, o seu partido viu nela a figura com os predicados certos para lhe conferir responsabilidades que antes de mais requeriam a fidelidade partidária. Seria colocada na GEFI – Sociedade de Gestão e Participações Financeiras, a holding de negócios do MPLA. Era ela, a jurista que   nesta estrutura,  tratava as questões das sociedades comercias da Gefi. Fazia igualmente parte do Secretariado do BP do MPLA para os assuntos políticos sob alçada de João Martins, a figura que a escolheu para integrar a CNE.  É casada com um deputado do MPLA, Nuno Caldas Albino “Carnaval”, o secretário para o associativismo juvenil da JMPLA.

Faz parte da ordem dos advogados de Angola e ao mesmo tempo partilha a actividade  política com a docência Universitária. Lecionava Direito do Trabalho no Curso de gestão de Recursos Humanos da Universidade Lusíada de Luanda. Faz igualmente parte dos professores da Universidade Agostinho Neto. Os alunos descrevem-na como “uma boa professora”.

Júlia Ferreira é agora a figura do momento por  a dar o rosto pela  organização das  eleições de 2012  e  do  lançamento dos resultados. Não esta claro se a mesma  tem acesso ao centro de  Escrutinio Eleitoral  em Talatona, dirigido pelo general Rogerio Saraiva, da Casa Militar. Sabe-se apenas que ela faz a leitura dos resultados a partir do Centro de Imprensa Aníbal de Melo (CIAM), na baixa de Luanda.

Loading...
Input your search keywords and press Enter.

Com um gosto você fica por dentro de tudo