Prevê-se “disputa renhida” pelo eleitorado de Benguela

A província de Benguela é uma grande praça eleitoral. Por isso, a escolha do nº1 da lista dos partidos políticos concorrentes neste círculo, merece imperativamente reparo.
Assim, o MPLA tem como cabeça de lista o “polémico ” Isaac Maria Francisco dos Anjos 1ºsecretário e governador provincial que sobreviveu ao bombardeamento interno dos seus camaradas e arredores. Pois, foi um imbróglio, um verdadeiro puxa tapete, jamais visto talvez comparado ao tempo de Dumilde das Chagas Simões Rangel, José Manuel Moreno Mendes Fernandes (Zeca Moreno) e Jeremias Dumbo aquando da disputa da liderança do Comité provincial dos camaradas.
Dos Anjos criou por sua conta e risco “inimigo de estimação”. É duramente criticado por supostamente favorecer os seus interesses empresarias. Politicamente, fragilizado pela governação do seu partido, a crise e outros quejandos (péssimo serviço de electricidade, águas, saneamento básico deplorável, estradas e vias degradadas). Não obstante, ter parcialmente banido a venda ilegal de terrenos, dando título de concessão e preços módicos, foi incapaz de criar um projecto habitacional, portanto “habitável”. Foi apenas um bom platónico, sonhou Benguela até ao limite! É este o cara, odiado-amado que enfrentará o fogo cruzado dos eleitores.
Na UNITA encabeça a lista o secretario provincial e deputado Alberto Francisco Ngalanela que tem perfil incompatível com o seu antecessor Victorino Nhany. Pois, aquele fazia uma dupla renhida da oposição com Domingos Inácio Francisco (Francisco Viena) ex-secretário provincial do Bloco Democrático e actualmente exerce as mesmas funções na CASA-CE.
Ngalanela é mais “macio e meigo” com a governação de Isaac dos Anjos. Observadores argumentam que o seu “silêncio e generosidade”, devem a “armadilha” montada por Dos Anjos na “caravana patriótica” que compreendia deslocações ao interior da província em visita de campo e que ele era o único convidado da oposição que o acompanhava como símbolo de “ tolerância e patriotismo”.
Verdade ou não, o que é facto é que o também deputado da UNITA não conseguiu ao longo do seu consulado, sair do seu habitat e ser uma figura que granjeasse confiança ou fosse conhecido sobretudo nas sedes municipais, dos mais jovens e na classe de académicos.
Pois, que a imagem de Ngalanela passa despercebido a muita gente nesta cidade. Porquanto não é um adversário temido dos camaradas. Mas tudo é possível, quiçá o eleitorado tradicional dos maninhos e os insatisfeitos com MPLA possam dar uma oportunidade a UNITA para obter mais lugares.
Quem está em melhor posição para derrubar Isaac dos Anjos sobretudo a nível do litoral da província é Francisco Viena. Político com a palavra fácil, há quem afirme que um frente-a-frente daria muita tareia aos seus adversários. Amadureceu muito, conhece os meandros da vida dos benguelenses, tem sido defensor dos desalojados e dos excluídos é uma “espécie de advogado dos pobres em Benguela”.
Talvez, o maior pecado da CASA-CE é o seu elenco ou seja não se vislumbra uma outra figura que capaz de o substituir. Portanto, das duas, uma: ou afasta todos bons cérebros ou não há efectivamente cérebros.
A pior calamidade é no PRS, cujo cabeça de lista é o desconhecido Francisco Chilala que recentemente substituiu Rui Malopa Miguel (que concorre ao circulo nacional na posição ilegível 80) que ousa derrotar “dinossauros políticos ”. Logo, é quase impossível os renovadores sobreviverem a uma hecatombe eleitoral.
Um outro pormenor interessante são os 4 efectivos das listas, o MPLA traz inovação na 2ªposição Deolinda Valiangula, deixando para a 3ª posição o actual segundo secretário provincial Veríssimo Sapalo, a UNITA na 2ª posição Gideão Lukavelo José líder da JURA, na CASA-CE na 2ª posição António Pedro Cassoma Cahuli e no PRS na 2ªposição Josefa Mbimbi Sabonete Minhão.
O barómetro preocupante é o facto que nas últimas eleições gerais o MPLA obteve 4 lugares e a UNITA 1 lugar, enquanto a CASA-CE superou a FNLA e o PRS, na terceira posição, e que na quarta e quinta posição repectivamente. Como será este ano?

DOMINGOS CHIPILICA EDUARDO

você pode gostar também

Loading...

Com um gosto você fica por dentro de tudo