Chineses investem 700 milhões USD  para construir milhares de moradias em Luanda

Os chineses da CIF investiram 694 milhões de dólares em apenas dois projectos imobiliários nos arredores de Luanda, que garantiram milhares de moradias, segundo um documento governamental autorizando incentivos fiscais.

Em causa está um contrato de investimento aprovado por despacho presidencial de final de Maio, que regulariza o investimento realizado pela China International Fund (CIF), o maior grupo chinês instalado em Angola e com interesses em vários sectores de actividade.

O projecto imobiliário da CIF consistiu na implementação do condomínio residencial Vila Pacífica, em Viana, e de 5.800 moradias no denominado projeto KK, junto à centralidade do Kilamba, também nos arredores de Luanda. Só esta última urbanização estende-se por 76 hectares e tem capacidade para uma população estimada em 30.000 habitantes.

Os dois projectos representaram um investimento chinês, agora conhecido, de 694 milhões de dólares, com o Presidente José Eduardo dos Santos, a aprovar, através do contrato entre a CIF a Unidade Técnica para o Investimento Privado (UTIP), a atribuição de incentivos fiscais.

No âmbito deste projecto imobiliário da CIF, que permitiu criar 70 postos de trabalho após a construção, o grupo chinês vai beneficiar de uma redução, ao longo de seis anos, de 42,5% no pagamento de impostos Industrial, sobre a Aplicação de Capitais e de Sisa.

você pode gostar também

Comentários

Loading...

Com um gosto você fica por dentro de tudo