Empresários russos propõem fornecer peixe, sementes, aviões e helicópteros a Angola

A intenção foi hoje manifestada num fórum económico para investidores russos e angolanos, realizado, em Luanda, no âmbito da visita de trabalho do vice-primeiro-ministro da Rússia, Yuri Trutinev.

No encontro foram apresentadas as oportunidades de negócios e vantagens recíprocas de parcerias em Angola pela Agência para a Promoção do Investimento e Exportações (APIEX) e na Rússia pela Agência do Desenvolvimento do Extremo Oriente, o correspondente a 36% de todo o território russo.

Na sua intervenção, o vice-primeiro-ministro russo defendeu que a presença de empresários da Rússia em Angola deve aumentar, manifestando ainda o desejo de ver empresários angolanos a investir naquele país.

Durante o encontro, os empresários russos manifestaram disponibilidade para o fornecimento de sementes, fertilizantes, tratores, aviões do tipo Sukhoi, helicópteros e navios de pesca.

A produção de soja em território russo, em parceria com empresários angolanos, para exportar para Angola a “preços iniciais” foi uma das oportunidades de negócios apresentada.

A nível das pescas, o empresariado russo apresentou como proposta, numa primeira etapa, o fornecimento de peixe congelado.

No seu discurso, o secretário de Estado do Ministério da Geologia e Minas de Angola, Miguel Bondo, disse que os governos dos dois países têm vindo a trabalhar na identificação de novos domínios de intervenção, com o intuito de diversificar as relações de cooperação bilateral.

“Gostaria de destacar a vontade recíproca de fortalecer as relações de cooperação nos setores da geologia e minas, energia, ensino superior, formação de quadros, telecomunicações e tecnologias de informação, pescas, agricultura, transportes, finanças e banca”, apontou o governante angolano.

Lusa

Loading...
Input your search keywords and press Enter.

Com um gosto você fica por dentro de tudo