JMPLA em Benguela de luto

Posted on Fevereiro 10, 2017, 4:08 pm
FavoriteLoadingAdd to favorites 2 mins

O Comité Provincial da JMPLA em Benguela perdeu uma das militantes mais destacadas. Trata-se de Felisbela Epalanga que perdeu a vida na manhã de hoje, 10, na maternidade do hospital Geral de Benguela, vitima de doença.

Nesta altura tudo está a ser feito pelos familiares e amigos para realização das exéquias fúnebres. A data do funeral deverá ser anunciada nas próximas horas, enquanto que o óbito está acontecer na casa da malograda, no bairro da Nossa Senhora da Graça, na cidade de Benguela.

Nascida da cidade de Benguela em 1982, Felisbela Epalanga era casada com Paulo Luciano, funcionário do Ministério do Interior, com quem teve dois filhos.

Com duas licenciaturas, uma em direito feita no Instituto Superior Lusiada do Lobito e em Historia pelo Instituto Superior de Ciências de Educação da Universidade Katyavala Bwila, Felisbela Ruth Epalanga era funcionaria do Ministério da Educação, colocada numa das instituições de ensino da cidade de Benguela, onde lecionava.

Para além da vida acadêmica, a malograda era uma pessoa bastante activa na vida social politica da província. Associação de Escuteiro de Benguela e a JMPLA forma as instituições que muito receberam a entrega e abnegação de Felisbela Epalanga.

A morte dela está pegou de surpresa os familiares e amigos e os camaradas da JMPLA. Numa nota divulgada no inicio desta tarde, a organização juvenil do partido no poder realça as qualidades da malograda.

“Militantes destemida e mobilizadora nata, a camarada Ruth destacou-se no crescimento da organização, tendo contribuído bastante como membro do Secretario Municipal em Benguela”, lê-se na nota.


Foto de Felisbela Ruth.


Deixe seu comentario