Padre acusado de organizar orgias na reitoria da Igreja

Posted on Janeiro 04, 2017, 12:19 pm
FavoriteLoadingAdd to favorites 23 secs

Um padre católico, de nacionalidade italiana, está a ser investigado por alegadamente ter acolhido e organizado orgias na reitoria da Igreja de São Lázaro, em Pádua.

O padre Andrea Cotin, de 48 anos, está a ser investigado por viver de ganhos imorais e por violência psicológica. Este terá sido denunciado por três mulheres.

A polícia terá tido acesso a vários brinquedos sexuais, pornografia escondida com capas onde figuravam antigos papas e vídeos com as orgias que tinham lugar na igreja.

O sacerdote terá ainda contactado com 15 mulheres através de sites de encontros e realizado férias dispendiosas com as amantes em destinos como a Croácia, França ou a Áustria.

Um bispo terá sido avisado do que se estaria a passar no início do verão, mas só decidiu alertar a polícia depois de ter reunido provas sobre a veracidade das acusações.

O padre foi obrigado a abandonar o sacerdócio.

Deixe seu comentario