Angolanos detidos em Windhoek por fraude fiscal pedem liberdade sob fiança

Posted on Janeiro 15, 2016, 8:51 am
FavoriteLoadingAdd to favorites 2 mins

O tribunal de Windhoek está a analisar um pedido para libertação sob fiança de 15 angolanos detidos desde Dezembro, suspeitos num esquema de fraude com impostos que poderá ter lesado o Estado namibiano em USD 8,3 milhões.

De acordo com a imprensa namibiana, aquele tribunal está a avaliar o pagamento de uma caução a pedido dos detidos, para permitir que os 17 suspeitos, incluindo ainda dois namibianos, aguardem julgamento em liberdade, pretensão negada durante o período festivo do Natal.

As autoridades daquele país anunciaram no início de Dezembro a detenção, em Windhoek, de 15 angolanos e dois namibianos, operação concretizada por agentes da Comissão Anti-Corrupção da Namíbia, sob suspeita de “fraude” na cobrança e devolução do Imposto de Valor Acrescentado (VAT – Value Added Tax, em língua inglesa).

O alegado esquema, que implicava forjar facturas, terá lesado o Estado namibiano, ao longo dos anos, em 140 milhões de dólares namibianos (cerca de USD 8,3 milhões).

As detenções aconteceram na sede do fisco namibiano, em Windhoek, precisamente depois de aquela entidade ter chamado os angolanos para receberem a devolução do IVA alegadamente cobrado.

Um dos namibianos detidos é professor no departamento de saúde da Universidade da Namíbia da Ciência e Tecnologia, tendo sido, alegadamente, o contacto com os angolanos detidos.

Estão indiciados pela falsificação de documentos e fraude ao Estado namibiano.

Deixe seu comentario

6 Responses to: Angolanos detidos em Windhoek por fraude fiscal pedem liberdade sob fiança

  1. Dezembro 24th, 2016

    Hi, I log on to your blog on a regular basis. Your humoristic style is witty, keep it up!