Manifestação Justiça sem Pressão chega à Benguela

Posted on Novembro 28, 2015, 5:49 am
FavoriteLoadingAdd to favorites 3 mins

Centenas de cidadãos da sociedade civil, entre funcionários públicos e estudantes, poderão participar neste sábado, na cidade de Benguela, numa marcha pedestre de apoio aos órgãos de soberania do país.

Numa promoção da sociedade civil para repudiar a pressão que tem sido exercida por certos círculos nacionais e estrangeiros aos tribunais angolanos, na sequência dos julgamentos dos 17 jovens acusados de actos preparatórios de rebelião contra instituições do Estado, a marcha partirá na escola do 1º e 2º ciclo do ensino secundário – Liceu Comandante Kassanje -, e vai percorrer as principais artérias da cidade de Benguela.

De acordo com a responsável pelo sector da Família da Direcção Provincial da Promoção da Mulher, Ilda Águas, várias associações juvenis, religiosas e a sociedade em geral estão convidadas a participar no evento, que vai terminar no pavilhão do Club Estrela 1º de Maio de Benguela, com a leitura de uma mensagem por parte do governador local, Isaac Maria dos Anjos.

Disse que a mensagem expressa o desejo da sociedade civil na província de Benguela no que tange à necessidade da  preservação da estabilidade e da paz,  manifestando-se contra a “ pressão exercida aos órgãos de soberania do país” face aos últimos acontecimentos registados no país.

Neste contexto, a responsável apela a adesão massiva de todos os munícipes de Benguela, pois a marcha é de carácter apartidário e visa ainda enaltecer os 13 anos de paz efectiva em Angola e, concomitantemente, os 40 anos de Independência Nacional, celebrados a 11 de Novembro de 2015.

Por seu turno, José Ramon, do Conselho Provincial da Juventude, criticou o que chamou de uma ingerência de forças externas nos assuntos internos do país, sobretudo os ligados à administração da Justiça.

Justificou que essa situação motivou a sociedade civil apartidária em Benguela a realizar esta manifestação de apoio aos órgãos de soberania da República de Angola, com particular destaque aos tribunais, a quem está reservada a administração da Justiça para a manutenção do estado democrático de direito.

Deixe seu comentario

11 Responses to: Manifestação Justiça sem Pressão chega à Benguela

  1. Dezembro 24th, 2016

    Howdy just wanted to give you a quick heads up and
    let you know a few of the pictures aren’t loading correctly.

    I’m not sure why but I think its a linking issue.
    I’ve tried it in two different web browsers and both show the same results.